terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Bowie, outra vez Bowie



  As últimas notícias, as últimas fotos (as últimas mesmo) que têm saído sobre David Bowie não param de me espantar. A celebração da vida, mesmo à beira da morte. Um Bowie sorridente, bem vestido a dois dias de morrer, não é o que se espera de um ser humano. 



  Parece dizer-nos, sem o mínimo vislumbre de sofrimento: vivam a vida, sejam felizes até ao fim. Cada dia é um milagre.  No meio da supresa, do choque, da tristeza da sua morte, que quis  tornar inesperada, há uma alegria contagiante. Impossível não nos deixarmos contagiar! 



Sem comentários:

Enviar um comentário